04 Dicas para Pesca de Carpa Cabeçuda

Carpa Cabeçuda, Dica na Pesca, Material Nó de Pesca,


O Inverno chegou e com ele a temporada de pesca de Carpa Cabeçuda. Nesta época do ano a maioria dos peixes se tornam menos ativo, alguns até hibernam por conta das águas geladas, porém, para quem curte uma pescaria, este é apenas o momento de trocar de estratégia, fazer novas pesquisas e ir atrás de outras espécies. A Carpa Cabeçuda é um peixe que está presente em muitos pesqueiros paulistas e proporciona, durante este período, uma ótima brincadeira. A equipe Nó de Pesca preparou 4 dicas para ajudar na pescaria:

  1. Isca - Tenha em mente que este é um peixe filtrador, ou seja, ele não ataca a isca, ele se posiciona de modo a capturar a água com o gosto da isca, logo iscas doces e que se diluem facilmente são as preferidas. Para ilustrar, este peixe costuma colocar a isca na boca, sem atacar e "cuspir" para fora, normalmente é neste momento que conseguimos a fisgada. Atualmente existem no mercado alguns sistemas bem interessantes, bem prático e eficaz.
  2. Sistema - Apesar do frio como dito, trata-se de um peixe muito ativo na água gelada, assim o sistema é sempre montado com boia, a isca fica presa a um conjunto de anzóis que chamamos de chuveirinho, onde existe uma mola no meio para prender a massa, 4 a 6 anzóis que devem ser escondidos na "coxinha" de massa (Já existem outros sistemas mais práticos e ágeis no mercado) e abaixo, solto, 1 ou 2 anzóis matadores, use uma chumbada solta na linha para apoitar a boia, uma vez que esta é uma pescaria que leva um tempinho, ou seja, será preciso esperar um pouco.
  3. Equipamento - Este não é um peixe muito briguento, mas é importante que o equipamento seja bastante resistente, tal qual a linha utilizada. Normalmente no início da briga, a carpa tem mais força dando umas puxadas agressivas, mas logo cansa e é rebocada, este peixe chega a um tamanho bem interessante,  quanto maior, mais forte. Outro ponto que faz com que o equipamento seja resistente é que, normalmente o sistema depois de montado com a isca fica bem pesado para o arremesso.
  4. Local - É importante que os arremessos sejam feitos sempre no mesmo lugar, assim, escolha o melhor local e não fique mudando, se tiver pescando com um parceiro(a), é legal manter as 2 boias próximas, pois como a massa tem que ser bem molinha ao ponto de se desfazer na água os arremessos seguidos tendem a cevar o local e por consequência atrair as brutas para lá.

Independente do peixe, o que sempre pregamos, além de uma boa briga com os brutos é o prazer que a pescaria nos proporciona, assim, mesmo no inverno é tempo de pesca.


Referências:
http://www.pescaki.com/topic/10297-carpa-cabe%C3%A7uda/
http://www.comopescar.org/como-pescar/como-pescar-carpa


0 comentários:

Postar um comentário