Pesqueiro ou parada obrigatória?!?! Pesque Pague Ribeiro - Cap. 2

Pesque e Pague Ribeiro, Pesqueiro, Presidente Prudente,
Feitas as apresentações parti para a pescaria, havia de fato a promessa de que teria Pirararas, porém, sinceramente não botei muita fé e armei 2 sistemas, sendo um de fundo e um com boia cevadeira e cerca de 1,5 metros de chicote. A água estava muito fria e o tempo era bem curto, enquanto minha mãe, minha tia e meus primos almoçavam, eu e meu pai investíamos nas tentativas, e a Rose preparava as fotos quando a Karina chegou para algumas dicas de ouro, uma boa prosa e também para fotos.

Pesque e Pague Ribeiro, Pesqueiro, Presidente Prudente,

Seguindo as orientações da Karina, fiz um arremesso e fiquei de olho, então tive sucesso e peguei 1 bom Pacu.
Ainda observando e conversando vi que as Pirararas eram realmente ativas neste pesqueiro e me prometendo que ao cair da tarde realmente elas fariam a minha festa, mas, o tempo não estava a meu favor e tínhamos apenas algumas horas no meio da tarde para as tentativas.

Pesque e Pague Ribeiro, Pesqueiro, Presidente Prudente,
Fiz ainda algumas investidas em um lago em que havia tucunarés, mas não tive mais sucesso, foi quando uma varinha de "mão bebeu água"  era a varinha da minha priminha, que apesar de estar brincando já estava fazendo sua inserção no mundo da pesca.   Pois bem, na tentativa de salvar a vara, vi quando uma pirarara surgiu e estourou a linha, como ela escapou posso dizer que era muito, mas muito grande (rsrsrsrsrs) e aquela visão deixou água na minha boca e o Pesque Pague Ribeiro no meu Coração.


Eu vou voltar, mas desta vez parceiro, vou estar bem preparado!



0 comentários:

Postar um comentário